Meu rim por um sapato

Essa seção sempre traz sapatos com saltos vertiginosos, mas, verdade seja dita, o tipo de sapato que mais aparece no pé da brasileira comum é a flat. Amamos os saltos, mas, para viver a vida das nossas cidades, sapatilhas e rasteirinhas são a companhia ideal. Para o look ficar chic, o modelo tem que ser impecável. A palavra “impecável” sempre me lembra o estilista tunisiano/francês Azzedine Alaïa, um dos meus grandes ídolos na moda. Sua marca é mais conhecida por seus vestidos de tricot para lá de sensuais, mas os acessórios não ficam para trás em perfeição. Confiram o que estou falando com estes modelos:

LS0552670005-027_6 LS0552670005-027_1 LS0552670002_5 LS0552670002_1 010552650002_4 010552650002_3 010552650002_5

 

É para qualquer mulher apaixonada por sapatos soltar gritinhos e ficar chic no ato! E vamos a procura de similares, por que, para ter um Alaïa, um rim pode não ser suficiente…

Meu rim por um sapato

Quem aqui estava com saudade desta tag do blog? Eu estava! E para recomeçar, não apenas um, mas muitos sapatos! A nova coleção de sapatos da loja americana J. Crew está muito caprichada.

jcrew6

 

shinyponies51

 

“Business in the front, party in the back!”

 

J. Crew | Jenna Lyons | Shoe Collection

 

Os modelos são tão coloridos, femininos, originais, que imediatamente podem despertar o desejo das colecionadoras! Uma delas é a estilista da marca Jenna Lyons, que se assume uma apaixonada por sapatos. Ela tem 289 pares no closet, alguns nunca usados. Junto com a coleção, a J. Crew lançou um vídeo em que Jenna dá alguns detalhes da criação, como o fato de que quando a equipe acha um sapato perfeito para a coleção, o apelidam de “shiny ponies” (pôneis brilhantes). Consumismo à parte, achei interessante saber que os pares são feitos para durar, com materiais de qualidade, em uma pequena manufatura italiana.

Gracinha, né? E assim como ela, também concordo que a oncinha é um neutro!

Quem se interessou de verdade, a J. Crew entrega no Brasil, somando nossas altas taxas alfandegárias. Nos EUA, um desses pôneis brilhosos sai, em média, 250 dólares, ficando entre 600 e 800 reais (OUCH!).

Contem-me o que acharam!

Meu rim por um sapato

O designer de sapatos Brian Atwood começou a fazer sucesso há alguns anos e firmou território definitivamente ano passado com o sucesso do Maniac, pump basicão com uma plataforma escondidinha de 3 cm que veio em todas as cores e acabamentos possíveis e acabou nos pés das ricas, famosas e finas de Hollywood.

Por mais que o modelo seja simpático, pump básico não causa taquicardia em ninguém. Por isso, quando conheci o modelo Claudia do designer, quase caí pra trás.

Basicamente, ele é o Maniac. Só que muito melhor, é claro. É de camurça. É turquesa. Tem bordado dourado. Tem bordado rosa. Vermelho. Laranjado. SÉRIO GENTE, olha esse pavoneamento sapatístico:


Se alguém tiver com US$2,115 sobrando na conta, tenho a impressão que a Debs aceitaria bem tranquilamente essa belezinha pra usar no casamento – bem melhor que um mero Louboutin turquesa liso, hehe :)

por Julia

Meu rim por um sapato

Alô Brasil! Não diga alô, diga “alô, Cristina!”. Tá feio o negócio aqui no blog, hein?

A Manu tá trabalhando mais que Paulo Borges em véspera de SPFW e eu tava numas férias da vida tentando voltar a ver a beleza das coisas depois de uma fase meio Britney em 2007.

Mas vamos respirar fundo que 2012 tá aí mostrando  que a vida pode ser bonita e que vai ficar tudo bem. Então vamos falar de coisa boa? Iogurteira Top Therm! Sapato!

Não é de hoje que eu sou apaixonada pela Avalon, modelo da Charlotte Olympia:

Ele reúne tudo que há de bonito em um sapato: camurça, preto + dourado, salto trabalhadinho todo rococó… Sério, o sapato é uma obra de arte!


Charlotte Olympia Avalon Sandal Heels

Ah, e sabe o que é mais legal? Ele tem um salto grossinho de de 5,7 + plataforma de 1,4, o que significa que, na prática, ele tem 4,3 cm de altura, bem dentro dos padrões de conforto que a Manu postou aqui.

Então já sabem: quem tiver US$ 2,395 sobrando na conta bancária, o Avalon tá aí sendo lindo te esperando! :)

por Julia

Sapato galeria

Sem parecer monotemática, mas parecendo, mais um post sobre sapatos! Me apaixonei por essas imagens que mostram um jeito novo de guardar a nossa valiosa coleção de saltos! Que tal aproveitar uma parede vazia para mostrá-los junto aos quadros, como as obras de arte que eles realmente são? Achei o efeito lindo, só não sei da praticidade em termos de limpeza! Tirar o pó frequentemente seria must, né? Para guardar na gavetinha de ideias:

por Manu

Meu rim por um sapato

O meu rim por um sapato de hoje é especial, porque ele vai pra um sapato que até que era acessível a nossos bolsos classe-média-sofre, hahaha! A belezinha estava nos pés da Dri no encontrinho de sábado e eu fiquei babando!

Ela disse que o modelo é parecido com um da Asos Zara, mas como o original era muito caro, ela encontrou esse bonitão na Riachuelo e não pensou duas vezes antes de comprar. Olha, te digo que eu não pensaria também, hein? :)

por Julia

Meu rim por um sapato

Sábado é dia de sair por aí cheia de brilho pra tomar seus bons drink, bater cabelo, dançar e se divertir até se mimijar (se você perdeu a referência, faça esse favor a você mesma e compreenda aqui), né?

O foda só é sair com aquele saltão de drag lindo maravilhoso que você ama mais que tudo nessa vida e querer arrancar o pé fora depois de umas duas horinhas fazendo pose de bonita na pista de dança, hum?

Por isso mesmo que me apaixonei pelo sapatinho de hoje: oxford baixinho, lindinho, gracinha, fofinho, confortável que só. E cheio de brilho. Todo aquele travestismo tão necessário em qualquer fim de semana embalado em um sapato PRÁTICO. Coisa linda.


Eu encontrei ele nesse Flickr que, pelo que entendi é dos visuais da galera que trabalha no ModCloth, mas o sapato em si não está à venda no site.

Encontrei essa sapatilha com esse glitter colodridinho lá e fiquei babando, mas aí é pra usar de bonita, não pra ir pra balada. Não sei vocês, mas balada com sapatilha boa pra mim sempre acaba com vódega caindo sendo derramada, sapato virando uma poça alcoolica, sapato escorregando do pé a noite toda*. No fim, o pé acaba moído que nem de salto.

Pensando bem, acho que vou começar a sair de tênis de corrida que é mais seguro.

por Julia

Meu rim por um sapato

Por mais que às vezes eu poste uns sapatos meio maluquinhos aqui no blog e ofereça meus órgãos por ele, eu amo de verdade verdadeira os sapatos tradicionais. Um scarpin bem bonitão, um mary jane bem desenhadinho ou aquele peep toe perfeito me fazem até desistir do meu fígado, e olha que eu preciso dele pra processar minhas biritas.

Mas calma aí! O modelo pode ser tradicional, mas para o coração bater mais forte, a cor, a estampa ou algum detalhe do bonito precisa ser especial. Não é qualquer peep toezinho que vai me fazer ceder aos seus encantos.

É aí que entra esse sapato Brian Atwood: O modelo é mega tradicional. É de cetim. A cor é aquele nude rosado que não é feio mas tá longe de emocionar.

Aí você concentra no salto e VEM CHORAR SWAROVSKI COMIGO, AMIGA:

Vale os dois rins, né? Aproveita que tá na liquidação, tava US$1,820 e agora passou pra US$910, PECHINCHA! :)

por Julia

Meu rim por um sapato! (e por uma viagem!)

Meu rim por esses louboutins azuis cheios de cristais, brilhosos e lindos! A foto que faz a gente sorrir é da Jamie Beck, de quem a Ju falou aqui.

Além das cinemagraphs, pelas quais ficou super famosa, Jamie ainda é fofa, com um estilo vintage lindo e tira fotos maravilhosas de sua terrinha – que vem a ser NYC! – de deixar a gente com água na boca para viajar. Tipo o Central Park na primavera, lindo demais:

Paraíso, não?

por Manu